Uma aula de medicina inesquecível…

Um professor do primeiro ano de medicina está a dar uma aula aos seus alunos sobre como se fazem as autoopsias de pessoas falecidas. Na sua explicação ele diz aos seus alunos muito calmamente:

– O primeiro requisito para se tornar um bom médico é ser um bom observador. E o segundo, é nunca, em momento algum, ter noojo do paciente.
Após este preâmbulo o médico conduz os alunos para a sala de autópsia onde encontra-se um cadáver de um mendigo, morto há dois dias.
– Vamos fazer o primeiro teste. Todo mundo deve fazer exatamente o que eu fizer. Entenderam bem?
Dito isto, o médico enfiia o dedo no anu.s  do ca.dáver, lambeendo-o em seguida. Os alunos ficam enojados com a cena mas seguem a orientação do mestre. Todos enfiiam o dedo e depois   la mbem.  Ao final do ritual o médico diz aos alunos:
– Vocês ainda têm muito o que aprender sobre senso de observação…
Como é possível que ninguém reparou que eu enffiei um dedo e lambi outro???